A VINDA DE CRISTO

Quando a Besta (a Confederação Ocidental) entrar com seus exércitos na terra de Israel, o Senhor descerá do céu montado num cavalo de batalha branco (como o ladrão à noite*), em chama de fogo, para julgar. Ele destruirá os exércitos da Besta com o esplendor da Sua vinda. É a vinda de Cristo. 2 Tessalonicenses 2:8; Apocalipse 11:15-18 (Sétima Trombeta); Apocalipse 16:15-21 (a Babilônia política é julgada – Sétima Taça); Apocalipse 19:11-19; 2 Tessalonicenses 1:7-10; Judas 1:14-15; Colossenses 3:4; Tito 2:13; 2 Timóteo 4:1,8; 1 Jo 2:28; 3:2; 1 Timóteo 6:14; Isaías 66:5; Malaquias 3:2; 1 Pe 1:7; Apocalipse 14:9-12; Is 13 14:23; Jeremias 50,51; Daniel 2:34,35,44,45 (Cristo, a Pedra cortada sem mãos, esmigalha os dez dedos da estátua – o Império Romano restabelecido).

[ Nota: *A vinda do Senhor como um ladrão é encontrada cinco vezes nas Escrituras (Mateus 24:43; 1 Tessalonicenses 5:2; 2 Pe 3:10; Apocalipse 3:3; 16:15), cada uma se referindo à Sua vinda em juízo, e não no arrebatamento. ]

Nenhum homem sabe o dia ou a hora da vinda do Senhor. Mateus 24:36-42.

os santos celestiais, que subiram para estar com Cristo por ocasião do arrebatamento, virão juntamente com Ele. São eles os exércitos do céu. 1 Tessalonicenses 3:13; Zacarias 14:5; 1 Tessalonicenses 4:14; 2 Tessalonicenses 1:7; Apocalipse 1:7; 19:14; 17:14.

Por volta dessa época será completada a primeira ressurreição. Todos os que creram no evangelho do Reino, que foi pregado após o arrebatamento, e morreram em razão do martírio,* serão ressuscitados para se unirem aos santos celestiais. Haverá duas classes de pessoas dentre os santos martirizados que ressuscitarão. Aqueles que forem mortos sob o reinado da falsa igreja (a grande meretriz) nos primeiros três anos e meio (Apocalipse 6:9-11), e aqueles que forem mortos sob o reinado da Besta e do Anticristo, nos últimos três anos e meio (Apocalipse 15:2-4). Tanto os primeiros como os últimos compartilharão das bênçãos celestiais e viverão e reinarão com Cristo sobre a terra. Apocalipse 14:13; 20:4,5.

[ Nota: *Em Apocalipse 20:4 está evidente que nenhum santo de Deus durante os 7 anos de tribulação morrerá de causas naturais.#11# ]

O Senhor lançará o líder Romano (a Besta – o chifre pequeno) e o falso Messias judeu (o Anticristo) vivos no lago de fogo. Apocalipse 19:20,21.

A vinda do Senhor para julgar a Confederação Ocidental dará início ao “dia do Senhor”, que é quando Ele irá estabelecer publicamente Sua autoridade e poder universais, tanto nos céus como na terra. O Senhor começará a subjugar e expulsar todos os poderes adversários. O dia do Senhor se estenderá por todo o reinado de mil anos de Cristo (Milênio).#12# 2 Pe 3:8-10; 2 Tessalonicenses 2:2 (Versão Almeida Revisada); Isaías 2:10-22; Joel 1:15; 1 Tessalonicenses 5:2; Jeremias 46:10; Sofonias 2:2,3; Malaquias 4:5.

A vinda do Senhor também dará início à “ceifa”, que é um juízo discriminatório efetuado pelos anjos que limparão a parte ocidental da terra profética de todos os ofensores.* Eles serão levados vivos para fora da terra a fim de receberem o juízo,** enquanto os demais permanecerão para desfrutar de bênçãos sobre a terra. “Um será tirado, e o outro deixado.” Apocalipse 14:14-16; Mateus 13:37-42; 24:40,41; Isaías 24:1; Daniel 2:35; Jeremias 51:1,2.

[ Nota: *os anjos não irão por todo o mundo, mas limparão o reino do céu (que é o assunto de Mateus 13), ou seja, somente a terra profética. Se todo o mundo fosse limpo dessa vez, os inimigos futuros de Israel não poderiam se levantar contra ele. Aqui o Senhor está tratando com o ocidente, tanto com os exércitos ocidentais como com o povo que ficou naquelas terras. Assim que Ele completar todo o Seu juízo do ocidente, irá começar a julgar os assírios (o Rei do Norte e Gogue).#13# ]

[ Nota: ** Também chamado de julgamento dos vivos (Atos 10:42; 2 Timóteo 4:1; 1 Pe 4:5) que se refere, de um modo geral, à época em que o Senhor tratará em juízo com todas as pessoas vivas sobre a face da terra. É um termo amplo que inclui o juízo da ceifa (Apocalipse 14:14-16; Mateus 13:39-43), o juízo da vindima ou do lagar (Apocalipse 14:17-20; Isaías 63:1-6), e o que é visto como um julgamento perante um tribunal (Mateus 25:31-46; Apocalipse 20:4). Enquanto a ceifa e a vindima são juízos de guerra que ocorrerão quando o Senhor sair como um rei guerreiro indo à batalha (assim como o rei Davi), o julgamento diante de um tribunal acontecerá após todos os exércitos terem sido derrotados, e o Senhor assentar-Se como Rei em Seu trono. Será uma calma e solene sessão judicial (assim como fazia o rei Salomão). A ceifa começará quando o Senhor vier do céu em juízo para destruir os exércitos do ocidente. Naquela ocasião Ele enviará Seus anjos, os quais tirarão da terra profética todos aqueles que são ofensores. Mais tarde, na vindima, Ele bramará de Sião (Jerusalém) em juízo, esmagando os Seus inimigos. O julgamento dos vivos não deve ser confundido com o julgamento do Grande Trono Branco (Apocalipse 20:11-15). O julgamento do Grande Trono Branco é um julgamento, de pessoas mortas, que acontecerá no final dos mil anos do reinado de Cristo, enquanto o julgamento dos vivos é um julgamento das pessoas vivas no início do Seu Reino. ]

Após os anjos haverem percorrido a terra profética separando os ímpios dos justos, a população do ocidente diminuirá bastante. Naquelas terras, outrora tão ilustres, as pessoas se tornarão tão raras como o ouro. Isaías 13:12; 14:23; 24:6; Jeremias 50:3,39; 51:2.

O tempo dos gentios, o período da supremacia dos gentios sobre Israel, terá terminado. Isso encerrará a septuagésima semana de Daniel com 1278 dias contados a partir da metade da semana. Lucas 21:24; Daniel 2:34,35,44,45; 7:9-14, 22-27.

O Rei do Norte, espantado com as notícias a respeito dos exércitos ocidentais comandados pela Besta, voltará do Egito, dirigindo-se à terra de Israel para batalhar. Daniel 11:44,45.

O Senhor sairá para defender Jerusalém dos exércitos do Rei do Norte que estarão voltando. Isaías 31:4-9; Zacarias 9:8; 12:8; 14:3.

O poder da voz do Senhor derrotará o Rei do Norte e seus exércitos. Isaías 14:25; 17:13,14; 30:30-32; Daniel 11:45; Joel 2:20; Zacarias 14:3.

Quando o Rei do Norte cair, Gogue (Rússia), que o abasteceu com munição (Daniel 8:24), não virá em seu auxílio. Daniel 11:45. (“não haverá quem o socorra.“)

O Senhor lançará o Rei do Norte vivo no lago de fogo (Tofete) onde a Besta e o falso profeta (Anticristo) já estarão. Isaías 30:33.

Há um período que excede a septuagésima semana de Daniel, que eleva a 1290 dias o tempo contado a partir da metade da semana. Essa extensão equivale a 12 dias que ultrapassam o final do período da semana. Esses dias poderão ser utilizados pelo Senhor para remover da terra o exército proveniente do norte. Daniel 12:11; Joel 2:20; Isaías 17:13,14.